Oficina de Literatura Infantil propõe discussão sobre Diversidade nas Escolas

Projeto realizado por estudantes da Universidade Paulista – UNIP, tem a intenção de ser recorrente e está em busca de voluntários.

A primeira oficina foi realizada no último dia 07, no Colégio Pestalozzi em Osasco-SP.

O projeto utiliza como instrumento o livro infantil “Universos Diversos em Diversos Universos“, de autoria dos próprios estudantes, que criaram uma coletânea com 12 histórias sobre configurações familiares, sexismo, deficiência, luto, adoção, imigração e racismo.

“Criamos a oficina com vários objetivos definidos, o primeiro deles foi utilizar o livro propriamente como um instrumento poderoso de transformação social, onde, através das narrativas e atividades, buscamos oferecer a oportunidade das crianças produzir reflexões que favoreçam  o processo de identificação com os personagens, trazendo sentimentos de pertencimento, tornando o ambiente escolar mais inclusivo. Consequentemente, fornecer estruturas de fortalecimento para os pais, alunos e professores para entender e lidar com o Bullying, visando o bem-estar e qualidade das relações na escola, além de quebrar estereótipos e preconceitos e promover uma representatividade diversa, mostrando que existem diversos modos de existir” – Franklin Alexandre, um dos autores da História “As Descobertas de Pingo”

A oficina foi dividida 3 momentos:

1º Momento – Aquecimento
Uma atividade motora relacionada ao tema trabalhado

2º Momento – Contação da História
Em dupla, os facilitadores contam a história convidando as crianças para participar e interagindo com elas.

3º Momento – Fechamento
A oportunidade de ter contato direto com a percepção das crianças sobre o tema, o que elas concluíram e o que elas gostariam de compartilhar. É realizada uma atividade onde as crianças possam projetar tudo isso.


A oficina, que conta com cerca de 1h e 30 de duração, pode ser feita com grupos de diferentes tamanhos. Para esta primeira edição, os estudantes de Psicologia facilitaram as atividades com as turmas do 1º ao 5º ano do Fundamental 1.

Jéssica Moisés, uma das autoras do livro, explica como as atividades foram pensadas:


“Como tínhamos 5 turmas, cada uma em um estágio diferente, achamos melhor direcionar as atividades. Com as turmas do 1º ao 3º ano, trabalhamos com história “A beleza das Flores”, onde definimos os objetivos de despertar o sentimento de identidade (o valor de cada um), a percepção das diferenças individuais, criar um repertório de flexibilidade e aceitação das diferenças físicas e dos diferentes gostos. Com as turmas do 4º e 5º ano, trabalhamos com a história “As Descobertas de Pingo”, onde definimos os objetivos de abordar as diferentes configurações existentes nos grupos familiares, minimizar o preconceito em relação às configurações familiares e consequentemente o bullying, refletir sobre o papel da família na vida cada pessoa e trabalhar com a diversidade no contexto escolar.”

Jéssica ainda explica que o livro possui muitas possibilidades de trabalhar a diversidade e inclusão e que todas as atividades foram criadas utilizando o aprendizado adquirido nas aulas de educação inclusiva, sob supervisão da Professora Valéria Campinas Braustein.

Segundo os autores, os próximos passos é dar continuidade a oficina, realizando mais edições no Colégio Pestalozzi, proporcionar que o projeto se expanda para outras escolas e continuar a divulgação do livro Universos Diversos em Diversos Universos, para fazer com que as histórias cheguem cada vez mais longe.

Para obter mais informações sobre o projeto e levar ele para sua escola entre em contato através do e-mail: valeriapsico1964@yahoo.com.br