Como parar de se preocupar com o que os outros pensam de você

Alguma vez você já desistiu de alguma coisa, ou mudou de ideia porque estava com medo do que as pessoas, ou alguém poderia pensar de você?

Posso apostar que você é um tipo de pessoa pensativa, que quer fazer as pessoas ao seu redor felizes, e naturalmente quer que elas pensem bem de você. Espere…não há nada de errado com isto, faz parte da nossa inteligência emocional querer que as pessoas pensem bem de nós, é uma coisa boa, mas pode ir longe demais.

Se você vive constantemente preocupado com o que os amigos, familiares, colegas, ou até mesmo estranhos na rua podem pensar de você, isso significa que você está desperdiçando uma grande quantidade de energia se preocupando (e provavelmente reprimindo seus reais objetivos)

Este é um hábito difícil de se livrar, porém os 4 passos abaixo podem ajudar:

Passo # 1: Pergunte a si mesmo o que realmente importa para você

” – Eu as vezes me preocupo com o que as pessoas vão pensar das minhas roupas, ou do meu cabelo, mas na realidade, eu não me importo muito com a aparência física. Claro que eu gosto de estar apresentável, mas para mim, é só isso que importa.”

É perfeitamente normal ter valores diferentes das pessoas ao seu redor. Você não é obrigado a gostar de um estilo musical que não gosta, só porque seus amigos insistem que você deve gostar.

Seja claro e honesto com você mesmo quanto ao que realmente importa para você. Muitos vão julgá-lo por não seguir um determinado padrão, mas se você for fiel a seus próprios objetivos e valores, você saberá o que realmente importa para você.

Passo # 2: Lembre-se de que nem todos estão olhando para você

“- Eu fui muito bulinado na adolescência, e até hoje eu me pego achando que todas as pessoas estão olhando para mim, até rindo pelas minhas costas.”

A verdade, porém é que eu não sou o centro do universo – E nem você. A maioria das pessoas ao redor estão na verdade muito ocupadas cuidando de suas próprias vidas para ficar cuidando da sua.

Você pode ficar achando que disse algo realmente estupido naquela festa, ou talvez está convencido que a espinha em seu nariz é tão óbvia que todos estão reparando, ou que todos estão falando sobre o erro que você cometeu na semana passada…a verdade é que eles provavelmente devem estar notando que você está se preocupando com alguma coisa.

Leia também: Como superar a timidez e a ansiedade utilizando a plataforma Youper

Passo # 3: Aceite que a opinião dos outros não podem te afetar

Ou seja, agora você já sabe o que realmente importa para você e que você não é o centro das atenções, além disso, também é preciso ter em mente que você está a todo momento sujeito a julgamentos. Pode ser no trabalho, pode ser dos amigos, ou até mesmo quando estiver andando na rua. Na maioria das situações, a opinião das pessoas não podem te machucar.

“- Aquele rapaz no ônibus pode comentar com alguém do lado sobre como você está fora do peso, mas de maneira nenhuma a opinião dele pode afetar a sua vida (ao menos que você deixe).”

É claro que existem alguns casos onde as opiniões das pessoas podem fazer a diferença, é o caso da opinião do seu chefe – Mas na sua opinião: É mais importante se preocupar com a opinião de quem realmente importa, ou com a opinião de quem não exerce nenhum efeito em sua vida?

Você pode passar a sua vida toda tentando fazer estranhos e conhecidos pensarem coisas boas sobre você (quem sabe passar horas arrumando o cabelo toda vez que por o pé para fora de casa, ou comprar um carro caro, só para parecer bem sucedido). Porém as pessoas que realmente importam, que no caso são sua família e amigos, vão te amar pelo que você realmente é.

Passo # 4: Aceite que você não pode controlar o que as pessoas pensam

De fato não podemos controlar o pensamento das pessoas. Não tem como saber o que se passa na cabeça de alguém, muito menos o por que. As pessoas são diferentes, logo pensam de maneiras diferentes.

“- É como aquela velha história de como as pessoas enxergam um copo de água pela metade: Para alguns, ele está meio cheio, para outros, está meio vazio.”

De qualquer maneira, as pessoas vão pensar N coisas sobre você. – Isso é inevitável.

O que os outros pensam de você, que seja coisas boas ou ruins – a opinião é totalmente deles. Aproveite a vida ao máximo; Você não pode tentar agradar todos o tempo todo – e também não há motivos para fazer isso. Da próxima vez que você for se preocupar com o que os outros pensam ou podem pensar de você, antes, pergunte a si mesmo se esse pensamento sobre você pode exercer algum efeito em sua vida. Daí você vai saber se vale a pena ou não se preocupar com o que os outros pensam de você.



Comentários do Facebook

80 Comentários


  1. Leonardo Marioto

    17 de outubro de 2012 em 12:44

    Parabéns pela iniciativa do artigo, mas particularmente tenho um 5° passo muito eficaz nesta busca: Faça terapia. Com psicólogos, ou, como na minha preferência, psicanalistas.

    Abraços!

    http://www.leonardomarioto.com

    Responder

    • Anônimo

      30 de janeiro de 2014 em 03:51

      Exatamente, mas minha opinião é que cada pessoa tem o seu complexo e isso é preciso ser trabalhado individualmente acompanhado de um psicólogo.

      Responder

    • Anônimo

      2 de abril de 2014 em 15:49

      Pelo menos pra mim, psicólogo e terapia não tão com nada. Eu acho melhor me guiar só por mim, e receber dos outros só as orientações que eu achar convenientes para mim ou para as pessoas que eu gosto.
      Mas isso é só minha opinião. Como disse o blog, cada um pensa diferente. Embora eu não goste de terapia, ela é válida pra quem gosta ou acredita.

      Responder

    • Katiane Martins

      20 de maio de 2014 em 16:56

      É simplesmente libertador ler esse artigo. (=

      Responder

    • Anônimo

      28 de junho de 2014 em 09:03

      Também achei

      Responder

    • Anônimo

      30 de setembro de 2014 em 00:49

      Muito boa suas dicas ! Parabens pelo site

      Responder

    • Anônimo

      8 de outubro de 2014 em 06:08

      Realmente Incriveeeeeeeeeeeeeeeeel,eu to sem palavras!!!!!!!!!!!!!!

      Responder

    • Anônimo

      10 de outubro de 2014 em 04:45

      muito bom

      Responder

    • danilo

      31 de julho de 2015 em 20:17

      Uma ideia simples e que trás solução pra vida feliz estou 🙂

      Responder

  2. Anônimo

    16 de janeiro de 2013 em 23:07

    Essa coisa de se preocupar com que os outros pensam é horrível! Eu sofro disso o tempo todo. Chega a ser uma coisa obsessiva, até em casa sou assim, não consigo parar de pensar no que os outros vão pensar de mim.

    Responder

    • Anônimo

      26 de outubro de 2014 em 19:24

      Nossa, sou igualzinha. não consigo parar de pensar no que estão pensando e meu medo de magoar ou frustrar uma pessoa tb eh obsessivo.
      eh uma escravidão auto -imposta

      Responder

    • Anônimo

      13 de março de 2015 em 20:11

      Eu achei o que precisava para me livrar dessa algema. Não faço nada por mim .só penso nos outros. estou travado amarrado .morto .só vou fazer algo quando alguem me leva. pra mim qualquer coisa que eu fizer tem que agradar a todos. se não ,não faço – .obrigado .gostei-

      Responder

  3. Anônimo

    30 de janeiro de 2013 em 00:46

    Também tenho um pouco disso. Não em como me visto, como esta meu cabelo. nisso sinceramente nao me importo.
    Eu acho que me preocupo com o "novo", aquilo que nao conheço, que nao saiba fazer, micos e etc.. devo ser um pouco perfeccionista. Irei começar a fazer academia e nao sei porque estou me sentindo tao mal. Tenho medo de errar algo, do que possam pensar. Sempre fui muita bonita e sempre chamei muita atençao por onde passasse e ao mesmo tempo minha timidez é forte.
    Queria tanto mudar, nao ser mais timida, nao pensar mas no que pensam de mim, porque é um saco. Espero com o tempo mudar cada vez mais, sou cantora e pisar num palco chega me dar dorr, literalmente! É quase impossivel. Quiz desabafar um pouco. Agradecida pelo site. Abraços! Mel

    Responder

  4. Anônimo

    3 de fevereiro de 2013 em 01:21

    Eu muitas vezes levo + tempo pensando em fazer alguma coisa, seja la o que for as vezes uma coisa boba, do que fazendo a coisa, dae então tomo coragem pra fazer… e fico toda feliz por mim, dae a pessoa q deveria me apoiar ou ate outra pessoa qlqr não me apoia e ainda fica falando um monte de coisa contra… dae me arrependo na mesma hora e ja acho q eu q to errada, q fiz uma baita porcaria,o q as pessoas vao pensar, q realmente eu não precisava fazer aquilo e tal… fico confusa pq eu sei la dentro de mim q fiz o certo e to feliz por isso… + ao mesmo tempo arrependida pq to preocupada com oq falaram a respeito. É isso acho q tenho q me tratar na real… é complicado! Bjssss!

    Responder

    • marcelo trindade

      6 de janeiro de 2015 em 21:41

      e ruim quando a nossa auto estima esta la enbaixo isso naõ e nada comparado oque eu ja passei desde criança para voce curar disso deve manter distancia dequem esta sempre te zoando amigo ou amiga voce pode tudo porque jesus morreu por voce e vocer e vencedor ou vencedora naõ inporta que os outro penssa gloria deus fico feliz por esta ajudando enclusive vou criar o blog esclusivo so para aquelas pessoas que sofre da cindrome de panico pesadelos eu sou uma pessoa simples como voce voce pode tudo bota isso na sua cabeça 2015 no comesso do ano hora de acorda do pesadelo que ver vocer vencer a timidez e toma raiva da vida que esta levando isso naõ e vida que eu levo eu so taõ capaz quanto os outro se eles pode eu poço fica nessa força deus e amelhor força nessa hora de angustia e tristesa shore bastante porque o shoro dura uma noite mas alegria vem pela amanhã fuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

      Responder

  5. Anônimo

    14 de março de 2013 em 04:39

    Me preocupo muito com o que as pessoas estão falando de mim. Quase sempre eu sou "doce". Trato bem todo mundo. Mas por vezes sou grossa quando sinto que tem alguém se metendo em algo na minha vida. E é ai que me rotulam como "grossa". Então a todo momento tento ser o mais agradável possível com todos. Mas o problema é que tentam me fazer de boba com isso :/

    Responder

    • Anônimo

      8 de novembro de 2015 em 23:36

      Tenho 50 anos e passo pelo mesmo problema, no trabalho com medo de ser alvo de piadas fico na maioria das vezes calado e focado somente no meu trabalho. Com isso sou rotulado de esquisito, caladão e como sou solteiro e não tenho filhos ainda isso agrava mais ainda minha situação no meu ambiente de trabalho. Passo momentos de muita depressão por causa disso . Torço que você vença essa sua barreira. Boa sorte.

      Responder

  6. Anônimo

    3 de abril de 2013 em 20:02

    gostei mto e xpero que sirva

    Responder

  7. Anônimo

    29 de abril de 2013 em 05:21

    Adorei o artigo, vou usar na prática.

    Responder

  8. Anônimo

    28 de junho de 2013 em 12:54

    Tambem me preocupo demais com o que estão pensando de mim,as vezes sinto como meu coração estivesse sendo cravejado de espinhos.é tão ruim,c os outros estão corversando e eu chego perto e eles parão,já fico pensando que é de mim isso é orrivel.sofro muito…

    Responder

  9. Anônimo

    2 de julho de 2013 em 02:26

    Me preocupava demais mais agora ne ligo vou sai curtir e viver eu curto a vida porque a vida e muito curta como no artigo disse eu não posso controlar o pensamentos das pessoas e eu torço muito para que vcs ñ se importer também.BJS BOA SORTE!!!!!!!!!!!!

    Responder

  10. Anônimo

    7 de agosto de 2013 em 21:32

    Ew me preocupo d+ com oq as pessoas podem pensar d me… as vezes ew vejo alguem sorrindo, e ja penso q eh de me isso eh hooorrível…

    Responder

  11. Anônimo

    12 de agosto de 2013 em 17:46

    É uma sensação realmente horrivel,mas acho que depois de ler este artigo irei melhorar (:

    Responder

  12. Anônimo

    18 de agosto de 2013 em 23:16

    tudo isso mim ajudou a levantar a cabeça e seguir em frente sem mim importa com o que os outros falam!!! OBRIGADO!!

    Responder

  13. Anônimo

    22 de agosto de 2013 em 18:23

    Gostei espero k me ajude 😉

    Responder

  14. Anônimo

    28 de agosto de 2013 em 16:39

    As vezes me preoucupo dimais com o que as pessoas pensam de mim , e fico babisbaixa ao saber se eles falam mal de mim , mais gostei muito …

    Responder

  15. Débora Amaral

    28 de agosto de 2013 em 17:07

    Estou passando por uma fase muito complicada na minha vida e esse texto me acrescentou coisas boas, muito obrigada!

    Responder

  16. Anônimo

    29 de agosto de 2013 em 17:26

    Muito bom o artigo, agora é colocar em prática…abraço !!

    Responder

  17. Anônimo

    1 de setembro de 2013 em 18:02

    Gostei muito do artigo. Eu sofro um pouco com isso, todos os dias.

    Responder

  18. Anônimo

    18 de setembro de 2013 em 02:03

    Muitas pessoas sofrem ..porem em situações diversas…
    Este texto, venho mostraR com muita propriedade como superar isto!!!
    PARABÉNS PELO TEXTO!!!!

    Responder

    • marcelo trindade

      6 de janeiro de 2015 em 20:58

      ESPETACULAR PARABEMS POR DESENVOR ESSE BLOG NOTA 100 EU PRECISO DE MAS VAI MEA JUDAR MUITO SHOW

      Responder

  19. Anônimo

    20 de setembro de 2013 em 21:36

    Muito bom o artigo, isso é problemas em muitas pessoas, a timidez se torna um medo incapaz de controlá-lo. Sou um garoto bonito, deixo de fazer muitas coisas, conhecer muitas pessoas por causa disso, eu acho que com minha beleza, a pressão fica maior. Pode parecer que sou convencido, mas não sou, sou assediado muitas vezes. Penso a todo tempo em que os outros irão pensar, no ônibus, na rua, meus vizinhos, na escola, no meu trabalho… em todos os lugares. Enfim… acho que preciso de uma ajuda especial, vou tentar usar as dicas do artigo, se melhorar bem, se não eu procuro um psicólogo.

    Responder

  20. Anônimo

    6 de outubro de 2013 em 23:48

    Ajudou muito aqui nota 10 pela iniciativa..

    Responder

  21. Anônimo

    15 de outubro de 2013 em 00:58

    nao imaginava que existia tantas pessoas com o mesmo problema que o meu, me sinto ate um pouco aliviada por nao estar sozinha nessa.
    Eu sofro muito no trabalho pq me preocupo demais com o q minhas colegas falam de mi , eu sou bonita e um pouco timida , so que elas dizem q eu sou ezibida e me acho muito e me excluem do grupo , isso me doi muito pq fico muito depresiva e perco a vontade de ir trabalhar
    Por mais q eu tente ser simpatica e querida mais falam de mim.
    Espero q um dia isso mude,
    Obgada pelas dicas
    Bjus

    Responder

    • Anônimo

      18 de outubro de 2015 em 17:08

      ola isso também me acontece. Inclusive há uma colega minha que e minha amiga no facebook e conversa sobre mim com os meus amigos de la e depois vao contar para o trabalho, isso deixa-me triste e angustiada

      Responder

  22. Anônimo

    15 de outubro de 2013 em 00:59

    nao imaginava que existia tantas pessoas com o mesmo problema que o meu, me sinto ate um pouco aliviada por nao estar sozinha nessa.
    Eu sofro muito no trabalho pq me preocupo demais com o q minhas colegas falam de mi , eu sou bonita e um pouco timida , so que elas dizem q eu sou ezibida e me acho muito e me excluem do grupo , isso me doi muito pq fico muito depresiva e perco a vontade de ir trabalhar
    Por mais q eu tente ser simpatica e querida mais falam de mim.
    Espero q um dia isso mude,
    Obgada pelas dicas
    Bjus

    Responder

    • Emileidy Mesquita

      8 de março de 2015 em 23:42

      Olá pessoa! : ) passei muito tempo sofrendo da mesma situação que vc, até que me dei conta de que eu não precisava daquelas pessoas pra ser feliz, eles não são parte da minha família, e quando falo família falo marido e filhos que são nossa real família. Vc é linda e tem uma família feliz assim como eu, o qur faz as pessoas falarem de alguem é porque admiram tanto que chegam a sentir inveja da beleza e felicidade da outra. Então seja feliz seja linda seja gentil seja quem vc é, porque não importa o que os outros falem vc vai continuar feliz e linda! Não permita que a maldade das pessoas interfira na sua alegria se é pra incomodar sendo feliz vamos ser eternamente felizes nós amarmos e cuidarmos mais ainda de nós e dos que amamos! Abraço.

      Responder

  23. Felipe Rodrigo

    1 de novembro de 2013 em 21:53

    eu me preocupo muito! eu nao sou rico mais eu sou um rapaz de 17 anos. bem parecido minha irmã mora em portugal ganho constantemente roupas de marca eu estudo em uma escola que a maioria são da minha classe social grande parte nao gostam de mim sem me conheçer dizem que eu quero ser mais que todo mundo.. mais na verdade sou muito e trabalhador e não tenho vergonha de dizer quem realmente sou e sou desenrolado e brincalhão tbm mais parece que doi neles eu tou aprendendo deixar de lado mais eu nao queria que isso acontecece

    Responder

  24. Anônimo

    6 de novembro de 2013 em 20:40

    muito bom!!!!!!!!!!!!! 2013

    Responder

  25. Psicóloga Daniela Carneiro

    7 de novembro de 2013 em 20:41

    A terapia ajudará a se conhecer melhor e enfrentar opiniões controvertidas de forma elegante e sábia.
    http://www.danielacarneiro.com

    Responder

  26. kamila

    25 de novembro de 2013 em 23:43

    eu adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

    Responder

  27. Anônimo

    10 de dezembro de 2013 em 17:09

    Muito bom!!! Parabéns!

    Responder

  28. Anônimo

    17 de dezembro de 2013 em 18:55

    obrigado estava ficando loco muito
    obrigado.

    Responder

  29. Anônimo

    10 de janeiro de 2014 em 15:54

    é uma bosta ser timido

    Responder

  30. Anônimo

    3 de fevereiro de 2014 em 16:08

    sempre desde pequeno me preocupo com que as pessoas vao pensar de mim tenho problemas que parecem ´pequenos alguns mas e enorme para mim o meu cabelo e o mesmo desde o 4 anos de idade segundo a minha mae sempre quis mudar qd saiu o cabelo justin bieber quis cortaro meu daquele jeito mas nao cortei pq pensei no q as pessoas iam falar hoje tenho 15 anos o mesmo cabelo ja faz uns 12 anosnao uso roupas que quero nao faço nada do que quero por pensar no que as pessoas vao falar quando fico sozinho começo a pensar em tanta coisa q deixei para la as vezes choro sozinho nunca falei disso com ninguem muinto menos com a minha mae os fatos relatados acima sem ruins mas em minha opniao o meu e bem por pois nao faço nada sem pensar no que vao falar de mim e triste ser assim tem horas que da vontade de morrer por ser desse jeito foi muinto bom achar esse site pois foi a primeira vez que desabafei espero que um dia eu mude vol tentar fazer o que o texto fala mas e muito ruim ser tao timido assim

    Responder

  31. Frisites - Comunicação

    26 de março de 2014 em 23:17

    Ótimo artigo, serviu de exemplo para minha, tenho manias de falar de minha vida a todos, levar pessoas estranhas dentro do meu lar, estou tomando cuidados com os outros, pois nem todos querem o nosso bem, além disso os invejosos de plantão estão de olho, tento decidir algo e quando esta tudo quase certo eu falo para alguém e da tudo errado.

    Responder

  32. Anônimo

    1 de abril de 2014 em 02:59

    Isso faz sentido, a pessoa insegura de si geralmente se preocupa com isso e muito mais, mas na verdade não são os outros que pagam as minhas contas.

    Responder

  33. Anônimo

    14 de maio de 2014 em 02:17

    É uma bosta ser assim, todo maldito dia eu deixo de sair de casa e fazer minhas coisas por causa desse problema,até com meu cabelo com meu estilo até pra ajudar alguem na rua eu me preocupo com oque as pessoa vão pensar de min,as vezes da vontade de morrer ou desistir de fazer tudo e ficar trancado dentro de um quarto até morrer.Só quem tem esse problema sabe o quanto é ruim…
    Mas obg pelo artigo mais de qualquer jeito vou ter que passar num psicologo

    Responder

  34. Anônimo

    15 de julho de 2014 em 21:29

    Muito bom, belas e doces palavras.

    Responder

  35. Camila Almeida

    7 de agosto de 2014 em 19:52

    Uau! Enriquecedor esse artigo. Como já foi comentado, todos nós temos nossos complexos, dificuldades. Mas, a diferença está em como reagimos a essas dificuldades. Mudar nossa maneira de pensar de nós mesmos, viver espontaneamente e sem medo do que os outros vão entender.

    Responder

    • marcelo trindade

      6 de janeiro de 2015 em 21:01

      SERTESA ABSOLUTA CAMILA EU TANBEM SOU TIMIDO QUE AGONIA EU CINTO COM ISSO AS PESSOAS NAÕ TEM CORAÇÃO NAÕ PENSSA QUE PODE FERIR UMA PESSOA VAI MEA JUDAR BASTANTE NEN PRECISO IR AU PSICOLO

      Responder

  36. Anônimo

    7 de outubro de 2014 em 23:10

    É isso aí o que importa é eu me sentir bem e não outro…
    "Nós poderíamos ser muito melhores se não quiséssemos ser tão bons"
    Sigmund Freud

    Responder

  37. Anônimo

    18 de outubro de 2014 em 22:55

    Estou vendo que várias pessoas tão com o mesmo problema que eu, mas eu vou melhorar lendo esse artigo espero que me ajude . Hoje mesmo aconteceu de eu ir em uma festa com meus colegas mas eu não estava me sentindo confortável , fiquei queto no meu canto não queria conversar com ninguém achando que eu ia me sair mal e até mesmo as pessoas iam sair de perto de mim por não gostar da minha presença , comecei a beber mt para parecer ficar sociável com as pessoas pois quando bebo eu não rasgo pra nada falo o que vem na mente , mas vi que não adiantou nada e estou mt triste , e acontece todas aa vezes quando saio.. fico com medo no que as pessoas vão achar mim até meus amigos eu penso que vão me abandonar por ser um cara mt calado e introvertido. Ufa desabafei isso é bom 🙂 Obg vou ler ler atentamente!

    Responder

  38. Anônimo

    7 de novembro de 2014 em 03:43

    Sou muito timido e sempre fui, mas parece que agora tudo estar se tornando muito pior. Quase não saio de casa por medo do que as pessaos vao falar e sempre que passo e vejo alguem sorrindo penso que é comigo. Sei lá é tão estranho e tão doido, já não aguento mais e já pensei várias vezes em me matar só que quando penso melhor vejo que não vale a pena desistir da vida por causa disso e dos outros. Muitas vezes as pessoas realmente me machucam me falando coisas que ao meu ver não deviao ser ditas a ninguém, pois quem não quer para si não faz com o outros. Choro muitas vezes no quarto sozinho pois é tao angustiante, já tentei dar a volta por cima mas ha sempre alguem para me derubar. Não sei mas o que fazer ta tao difícil.

    Responder

    • Anônimo

      18 de junho de 2015 em 03:33

      Eu já tenho 28 anos e sofro muito com isto também. Evito até mesmo sair na rua quando possível. Quando eu era adolescente, as outras pessoas falavam mal sobre os meus dentes. Nesta época eu morava fora. Muitos anos depois, quando eu voltei para a minha cidade, esta história se espalhou, pela boca de pessoas que na época conviviam comigo. Agora, para onde eu vou, eu vejo as pessoas falando de mim, como se eu ainda fosse aquele adolescente de alguns anos atrás, Não tenho mais nenhum problema nos dentes, mas é como se eu ainda tivesse. Ninguém quer sair comigo… Me sinto muito triste. Algumas pessoas dizem que têm nojo de mim… Não sei o que fazer

      Responder

  39. Anônimo

    7 de janeiro de 2015 em 21:45

    GOSTEI MUITO DA MATERIA!!! MMUITAS VEZES ME PEGO PENSANDO O QUE AS PESSOAS VÃO PENSAR DE MIM, PORQUE FALEI AQUILO OU OLHEI DAQUELE JEITO. ISSO ME FAZ SOFRER MUITO POIS TENHO MEDO DO JULGAMENTO PESADO DAS PESSOAS.ME SINTO SUFOCADA!!!!!!

    Responder

  40. Anônimo

    29 de janeiro de 2015 em 23:27

    Eu era muito assim, "se não está bom pra fulano então também não está bom pra mim" ou "não vou sair assim, vão ficar me olhando".
    Eu mesma criei meu método pra parar com esse bobagem de se preocupar com o que os outros pensam: fiz uma repaginada radical: pintei meu cabelo de azul.
    Agora, eu sei que todos vão me olhar e isso vai passar a ser normal pra mim porque na verdade vão ter do que olhar.
    Pode parecer estranho só lendo mas faz com que você se sinta bem, tentem fazer algo do tipo, ajuda muito!

    Responder

  41. Anônimo

    8 de março de 2015 em 14:08

    Devia ter amado mais
    Ter chorado mais
    Ter visto o sol nascer
    Devia ter arriscado mais
    E até errado mais
    Ter feito o que eu queria fazer…

    Queria ter aceitado
    As pessoas como elas são
    Cada um sabe alegria
    E a dor que traz no coração…

    O acaso vai me proteger
    Enquanto eu andar distraído
    O acaso vai me proteger
    Enquanto eu andar…

    Devia ter complicado menos
    Trabalhado menos
    Ter visto o sol se pôr
    Devia ter me importado menos
    Com problemas pequenos
    Ter morrido de amor…

    Queria ter aceitado
    A vida como ela é
    A cada um cabe alegrias
    E a tristeza que vier…

    O acaso vai me proteger
    Enquanto eu andar distraído
    O acaso vai me proteger
    Enquanto eu andar…

    Devia ter complicado menos
    Trabalhado menos
    Ter visto o sol se pôr…

    Responder

  42. Anônimo

    13 de abril de 2015 em 19:29

    Sou meio parecido com esse post, acho que as pessoas estão pensando algo de mim, quando encaro uma pessoa, já desvio o olhar e isso me incomoda, tento tirar da cabeça, mas não é facil. Nunca pensei que tanta gente tivesse isso. Mas vou tentar melhorar de agora em diante, nós temos que viver nossas vidas, ajudar os outros é claro que pode, que isso faz bem pra nós, mas vamos pensar em nós primeiramente porque se nós não estivermos bem com nós mesmo,nunca que podemos ajudar alguem.

    Responder

  43. Anônimo

    17 de abril de 2015 em 19:20

    Todos se preocupam com o que os outros pensam de você, em nível maior ou menor.
    Esteja rodeado de pessoas que gostam de você e querem seu bem, aumente sua autoestima (pratique aquilo que você mais gosta de fazer. Todos nascem com habilidade/talento para algo. Você tem um talento, descubra-o. Explore isso!). Fale com Deus todos os dias. E se esforce para sorrir todos os dias, não para agradar os outros, mas para agradar você. O sorriso é mágico e gera energia positiva entre as pessoas. Comece agora mesmo. Afinal, a vida foi feita para ser vivida.

    Responder

  44. Anônimo

    22 de abril de 2015 em 18:19

    Estou para fazer uma apresentação em grupo na escola. Infelizmente, essas dicas não surtiram efeito. Estou ansioso e penso negativo ao extremo. Estou com medo, mas preciso encarar.

    Responder

  45. Anônimo

    7 de maio de 2015 em 20:25

    Muito Obrigado, estou tentando mudar e sua ajuda foi de grande utilidade!
    Abç

    Responder

  46. Anônimo

    11 de junho de 2015 em 15:12

    É muito ruim mesmo isso de se preocupar sempre com oq os outros pensam.. vc acaba vivendo pra quem, como diz no texto, nem tá ligando pro que vc vai fazer, e mesmo que ligue e opine de forma negativa, precisamos entender que qualquer tentativa de controlar isso, é vã.. espero conseguir colocar td isso em prática msm!

    Responder

  47. Anônimo

    1 de julho de 2015 em 18:49

    Meu irmão!!!!!!!como falaram mais acima…………..é simplesmente libertador esse post!!!!!!!
    Maravilhoso,tô numa vaip não muito boa nesse momento,exatamente como diz no texto,eu quero agradar à todos ao meu redor,fico preocupada com suas opiniões ao meu respeito,sendo que na verdade muitos estão cagando pra mim,então sim é difícil desistir desse habito,mas, a vida é Sua não deles,você é quem vai sair prejudicado depois disso tudo,simplesmente seja quem você é!!e não se preocupem com o que os outros estão pensando de você,se preocupe com você mesmo!

    ps:escutem "Who you are by Jessie-j " maravilhosa Jessie sempre nos mostrando que ser quem você é é sempre o melhor caminho, e que mais pra frente você vai se sentir muito bem com sigo mesma,e vitorioso, e que tudo valeu Muito a pena,pois você agora é uma pessoa livre!

    Responder

  48. Anônimo

    4 de agosto de 2015 em 15:37

    muito bom 🙂

    Responder

  49. Alessandra

    7 de agosto de 2015 em 00:50

    Achei muito bacana o texto. Eu sempre pensei assim e nessa última quarta feira comecei a fazer tarapia com uma psicóloga e já na primeira sessão já me ajudou muito. Recomendo. Temos que realmente nos preocupar com quem nos ama de verdade porque esses vão nos abriros olhos com uma crítica construtiva porque nos querem bem.

    Responder

  50. Elton Gonçalves

    30 de agosto de 2015 em 17:14

    Então, se eu me importo tanto com o que os outros pensam é porque:
    * é uma questão que realmente me importa muito e me ofende;
    * eu não consigo acreditar que não estejam olhando pra mim, com base nos que me notam e me ofendem;
    * eu não tenho muito claro para mim quem são as pessoas que realmente importam na minha vida;
    * eu não quero que me odeiem porque me sinto incapaz de me defender caso alguém resolva me prejudicar.

    Responder

  51. Anônimo

    10 de setembro de 2015 em 15:42

    Vs arrazoo ' Oobg ' Fikeei maas poor ciimaa ' Poois smp leevoo isso cmg de nn liigaa pro qee oos outro faalaa pooiis nn precisamos da opniao de ngm ' Maas hj ' Miim xaatiiei coom uma meninas ' Ii nuunka acoonteeceeu isso pooiis nunkaa abaaxoo aa caabeçaa pra ngm ' Oobg Mrm '

    Responder

  52. Anônimo

    12 de setembro de 2015 em 16:31

    Eu estava precisando ler esse texto ( conselhos)
    Pq eu não LIGO pra opinião dos outros contra mim, isso até alguns colegas meu dizer que minha namorada é feia pra mim … Não vou terminar com ela pq ela muito especial mas fico sem graça pois tida hora eles me zoam .
    Só que depois de ler aqui eu não vou mais me iimportar com isso . só vou sair fora deles

    Responder

  53. Geanderson Morais

    28 de setembro de 2015 em 22:13

    Como falou alguns de vcs:
    Realmente este artigo é mtuh útil…
    ajudou-me e mtuh…

    Responder

  54. Anônimo

    6 de outubro de 2015 em 17:08

    Adorei o artigo. Sofro com isso… e tenho azar, pq sempre tem alguém para criticar algo que faço. Não lido nada bem com isso. Machuca bastante. Gostaria de ser indiferente…. mas não consigo.

    Responder

  55. Beatriz Cintra

    19 de outubro de 2015 em 02:20

    ói mininu é difiiciu se preocupar é ruim demais da conta, a sociedade bota uns negocio estranho na nossa cabeça e vai virando um fusuê danado; Imagina que delicia estar sempre deboinhas sendo você, parece que ta todo mundo se escondendo pra num parece tudo igual, pq é igual! kda coisa nessa vida

    Responder

  56. Anônimo

    28 de novembro de 2015 em 17:12

    cara, muito obrigado!

    Responder

  57. Anônimo

    14 de dezembro de 2015 em 00:17

    Estava precisando ler esse texto. Tenho esse erro de me deixar influênciar por medo de fazer alguma coisa que venha desagradar algumas pessoas.

    Responder

  58. Anônimo

    27 de dezembro de 2015 em 16:05

    Pois a mim só importam as pessoas que eu gosto e desde que não sejam pessoas invejosas.Nossa alegria infelizmente sempre incomodará algum invejoso e recalcado.Que se dane, pois pessoas felizes e realizadas não têm tempo de se preocuparem com a vida alheia, se o fazem é porque no fundo são dignas de pena mais do que qualquer outra pessoa.Pessoas felizes se lembram de outras para ajudar e não para criticar porque estão muito ocupadas e focadas em viver suas próprias vidas e serem felizes e não têm tempo para se preocupar com a vida de nenhum fofoqueiro,Zé Povinho… Tem sempre aquele otário que nunca está satisfeito e quer a vida do outro.(No)

    Responder

  59. JKHASJGJA

    13 de janeiro de 2016 em 01:59

    Nossa, muito obrigado, me ajudou muito. <3 ^^

    Responder

  60. Edimar

    6 de fevereiro de 2016 em 18:55

    Adorei esse texto porque eu do muito importância para oque às pessoas falam sobre mim esse texto me deu um idéia em si mesmo vou colocar em prática isso

    Responder

  61. IGOR

    10 de fevereiro de 2016 em 17:43

    Obrigada Vc me Ajudou Muito… Esta Precisando de Uma Palavra Amiga…

    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Os campos obrigatórios estão assinalados por um asterisco. *