Que tipo de pessoa você é?

 

É muito fácil atribuir uma carreira estagnada a terceiros. A culpa é sempre do mercado que tem pouca vaga, da economia que está em crise, da empresa que não promove. Um pouco disso influência, sem dúvida, mas a responsabilidade pela carreira estagnada é sua.

Explicando em miúdos: antes de tentar entender o ambiente onde você está inserido, você precisa entender você mesmo. Para o mercado, que tipo de pessoa você é?

No mercado de trabalho, existem três tipos de pessoas:

Primeiro tipo:

As que se acham melhores do que realmente são.
Essas pessoas sofrem, porque, não importa o que aconteça, sempre se sentirão pouco reconhecidas. Quando são promovidas, acham que já deveriam ter sido promovidas há mais tempo. Quando não são promovidas, fiam imaginando que existe uma conspiração contra elas. São pessoas que tem uma baixíssima tolerância a críticas.

Segundo tipo:

As que se acham piores do que realmente são.
Essas perdem oportunidades. Ficam com receio de dar opinião, porque acham que sua opinião não estará à altura do debate. E ai sofrem quando o colega ao lado é elogiado por ter dado exatamente a mesma opinião que elas dariam. Essas pessoas não conseguem se valorizar.

Terceiro tipo:

As pessoas "normais".
Elas conseguem se enxergar exatamente como são. No mercado de trabalho, essas pessoas são a minoria.

Num chute, com base na minha experiência prática, eu diria que grande parte das pessoas se acha melhor do que realmente é. Porém, proporcionalmente, essa quantidade quase se equivale àquela dos que se acham piores do que realmente são.

Tem vantagem que não é conformado, aqueles que é consciente de quem realmente é.

Uma dica do glorioso Max Gehringer



Comentários do Facebook

um comentário


  1. Anônimo

    24 de abril de 2015 em 19:24

    Segundo. 'o'
    que bonito… ✘

    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Os campos obrigatórios estão assinalados por um asterisco. *