Os benefícios e malefícios do conflito

 

PARTE 1 – Como lidar com conflitos
PARTE 2 – Os benefícios e malefícios do conflito (você está aqui)
PARTE 3 – 21 técnicas para lidar com conflitos

O lado benéfico dos conflitos

 
Dado que os conflitos são naturais, podemos deduzir que eles contêm dádivas preciosas. Um conflito saudavelmente expresso clareia o ar, alivia a tensão, e nos ajuda a seguir em frente, a sair em busca de novos recursos e a construir com mais solidez relacionamentos inclusive. Uma árvore açoitada pelo vento cria raízes e galhos mais fortes (mas atenção, vento demais pode tolher o desenvolvimento da árvore e fazer a fruta cair antes de amadurecer).
 
Por serem em geral desconfortáveis, os conflitos nos obrigam a aprender e crescer. Muitas descobertas súbitas e avanços científicos importantes resultaram de conflitos internacionais. No plano pessoa, os conflitos nos impelem a procurar dentro de nós recursos extras e novos estímulos e aptidões. Nos relacionamentos, os conflitos podem ser sinais muitos positivos, no mínimo por fazerem com que o outro se sinta confortável, seguro e fortalecido o bastante para expressar livremente!
 

O lado ruim dos conflitos

 
Embora possam servir a propósitos positivos, os conflitos podem facilmente se tornar destrutivos e desagradáveis se não forem tratados com cuidado, respeito e delicadeza. A maioria das pessoas é muito sensível e se magoa com facilidade; e assim como acontece com um animal ferido, nem sempre é fácil lidar com uma pessoa magoada. Além disso, os conflitos consomem energias preciosas e causam, muitas vezes, o afastamento das pessoas. Eles podem também ser cruéis e nocivos, gerar desconfiança e ódio e causar danos irreparáveis.
 
Dado que os conflitos fazem parte da vida das pessoas, podemos lidar com eles de várias formas. Uma delas é simplesmente evitá-los ou fugir deles. Infelizmente, evitar ou fugir não só atrapalha nosso progresso na vida como geralmente eles acabam nos alcançando em algum lugar do caminho. Uma alternativa é deixar que nos afetem permanentemente, o que não é nada bom!