Como sair da zona de conforto em 5 passos

 

A zona de conforto é uma série de pensamentos e comportamentos que não causam nenhum tipo de medo, ansiedade ou risco à pessoa.
Nessa condição ela somente realiza aquilo que lhe dá um desempenho constante e relativamente satisfatório.
O grande problema de estar na zona de conforto é que o profissional fica limitado e com a falsa sensação de segurança que o ilude e impede-o de crescer.

 
A zona de conforto é um estado tão familiar que muitas vezes não percebemos que estamos inertes. Dentre os motivos que nos empurram a ela podem estar preguiça, medo, soberba e miopia. A estagnação de um único profissional dentro da empresa pode afetar todo o grupo. Esse é um comportamento de autossabotagem e egoísmo, pois deixa-se de pensar no todo para preocupar-se somente consigo (mas da maneira errada). 
 
Manter-se na zona de conforto pode parecer muito apropriado, mas a longo prazo sua carreira inteira estará prejudicada: em vez de ascender, você se manterá no mesmo patamar ou até regredirá profissionalmente. O conforto, nesse caso, é seu pior inimigo. Para que você esteja sempre focado em ir adiante e colher melhores frutos advindos do seu trabalho, reuni algumas dicas que vão lhe ajudar a sair da tradicional zona de conforto: 
 

1. Motive-se

 
Estar motivado por algum sonho ou um grande projeto de vida é a maior inspiração para o trabalho. Saber que há uma recompensa esperando à frente ajuda a focar nos objetivos e na realização de cada tarefa no dia a dia. 
 

2. Recicle seus conhecimentos

 
Estar em constante aprendizado é fundamental para todo profissional que deseja crescer e ser bem sucedido. Só o fato de absorver informações e técnicas novas já o tornará uma pessoa melhor. Quando aplicar esses conhecimentos no seu trabalho, verá que os resultados serão cada vez melhores. 
 

3. Desafie-se

 
Fuja das repetições de padrões que não desenvolvem novas capacidades e apenas mantém sua vida sem surpresas. Coloque-se em situações desafiadoras diariamente. Tome cada novo desafio como uma oportunidade de aprimorar suas qualidades. 
 

4. Pense positivo

 
Você deve realizar seu trabalho pensando no melhor que pode extrair dele. Não foque sua mente em negatividades. 
 

5. Avalie-se 

 
Ao menos uma vez por ano, feche para balanço. Faça uma análise sobre sua própria vida em todos os aspectos que gostaria de ter mudado. Está ganhando mais dinheiro? Está fechando mais negócios? Entregou melhores resultados? Superou expectativas? Aprendeu coisas novas? Expandiu pontos fortes? De acordo com as respostas, crie novas metas para o ano seguinte.
 
Marco Zanqueta, palestrante motivacional há nove anos, une a arte de falar em público com a magia dos truques de ilusionismo. Suas palestras e dinâmicas de equipe foram pensadas e elaboradas para extrair os melhores resultados de cada profissional. Para conhecer seu trabalho visite: www.palestracommagica.com.br