Como aprender mais rápido e lembrar mais

O filósofo Francis Bacon foi muito feliz em sua célebre frase “Conhecimento é poder” (scientia potentia est), de fato, muitas pessoas buscam maneiras de aprender mais rápido e reter melhor o conhecimento para enriquecer suas vidas de várias formas.

O problema é que se fosse fácil, ninguém precisaria recorrer à extensão moderna do cérebro, mais conhecida como Google para tentar encontrar as informações que lhes faltam ou tentar lembrar de algo que não deveria ter desaparecido da memória.

Existem vários motivos para aprender mais rápido. Você pode estar aprendendo algo novo como tocar violão, estudando para o cursinho, ou quem sabe, apenas querendo melhorar suas habilidades, algo como um desenvolvimento pessoal.

Não importa o motivo, aqui você vai aprender dicas incríveis de como aprender mais rápido e se tornar um(a) memorizador(a).

Como aprender mais rápido

  1. Ensine outra pessoa

    Ensinar o que você precisa saber para outra pessoa é uma excelente estratégia para melhorar sua própria capacidade de aprender.

    Uma dica muito útil para memorizar conceitos, datas, frases, ideias, etc. Encontre com um amigo e tente explicar para ele o que você já sabe, adicionando aos poucos alguns conceitos novos, que podem ser lidos em anotações.

    Ao contrário do que muitos dizem, nossa mente não é nada parecida com um computador. Na verdade até hoje não se sabe exatamente como nosso aparelho psíquico se lembra das coisas, no entanto, os estudos mais recentes mostram que nosso cérebro não armazena as informações e sim reconstrói a informação toda vez que precisamos dela.

    Dessa forma, se uma lembrança possui, digamos assim, poucas pontas para ser puxada e resgatada lá no fundo do “inconsciente”, ela escapa e não nos lembramos.

    Quando você ensina outra pessoa, o ambiente proporciona muito mais detalhes que servem de pontas para seu cérebro reconstruir a informação. Por exemplo, se durante a explicação seu amigo deu um espirro ou fez uma piada, esse detalhe já serve como uma ponta e associação para o cérebro recriar a memória. Quanto mais pontas para associar, melhor.

  2. Pequenas doses

    O caminho do meio é sempre a melhor escolha, como diria Buda. Isso significa que o equilíbrio é a chave para melhorar a memória e aprender mais rápido.

    Não adianta passar muitas horas lendo um livro ou navegar por inúmeras páginas da internet. Só é possível aprender se o conteúdo fizer sentido e ter uma significância em sua mente.

    Para aprender mais rápido é preciso ir absorvendo o conteúdo em pequenas doses. Separe alguns conceitos que deseja aprender e se dedique a ele durante o dia. É muito útil refazer a leitura ou treinar em locais diferentes para adicionar “pontas” na memória. Isso também vai te ajudar a lembrar mais.

  3. Escreva

    Escreva com suas próprias palavras o que você quer aprender utilizando papel e caneta. Estudos mostraram que escrever à mão o que você aprende ou quer aprender é muito mais benéfico do que digitar em blocos de notas.

    Isso ocorre porque quando você digita algo, está apenas estimulando um comportamento passivo de apertar teclas em uma tela touch. É muito fácil entrar no “piloto automático” quando se está digitando no celular. É quase como deslizar o feed do facebook.

    Ao escrever informações manualmente, a atenção aumenta para escolher palavras-chave e informações importantes que serão úteis.

    Em vez de copiar as informações inconscientemente palavra por palavra, você deve processar as informações e colocá-las em suas próprias palavras, o que cria um vínculo mais forte entre as informações e sua memória.

    A atenção é algo tão importante para a memória que se você reparar, está acontecendo muitas coisas ao seu redor, no entanto seu cérebro está concentrado em ler essas palavras.

    A verdade é que escrever é só uma desculpa para você ter mais atenção em uma tarefa e não se distrair com coisas que estão acontecendo ao seu redor.

  4. Mude seus métodos

    Talvez você possui um método de aprendizado favorito ou estuda sempre da mesma forma. É hora de mudar isso. Muitas vezes aprendemos a estudar de uma forma e nunca mais mudamos.

    Isso pode estar prejudicando seu aprendizado. Experimente novas formas de armazenar informações e combine estratégias com o objetivo de verificar o que acontece com seu aprendizado. É mudando as estratégias que se descobre a maneira que mais funciona para você.

  5. Teste você mesmo

    Testar a si mesmo depois de aprender algo novo o ajudará a perceber seus erros, o que, por sua vez, ajuda a consolidar as informações corretas em sua mente.

    Ao estudar, teste-se em uma situação quase real, para que você possa aplicar o que aprendeu e descobrir o quanto compreendeu sobre um assunto.

    A ideia é contar para você mesmo o que aprendeu e se fazer perguntas. É um tanto difícil e envolve muito esforço mental, mas essa é uma técnica muito poderosa.

  6. Conecte os pontos

    Uma das melhores maneiras de aprender qualquer coisa é pegar as informações existentes que você conhece e aplicá-las na sua realidade. Isso é benéfico, pois fornece uma conexão entre o que você sabe e as novas informações, e elas nem precisam estar relacionadas.

    Criar links e metáforas para o que você está aprendendo com o que você já sabe ajuda a aprender de uma maneira mais natural.

    Por exemplo “o mecânico entendeu proporções com as trocas de óleo, o transportador aplicou álgebra no cálculo de distâncias e o quitandeiro entendeu melhor a lógica de fornecimento.”

    Essa é uma técnica utilizada pelo pedagogo brasileiro Paulo Freire, clique aqui para saber mais.

  7. Durma

    Aqui está o truque que todos estavam esperando!

    Dormir é extremamente benéfico e ajuda a aprender novas informações. Se você precisa reter muita informação, cientificamente recomenda-se que você tire uma soneca entre as sessões de estudo para melhorar sua chances de aprender de forma mais eficaz.
    Permitir que o seu cérebro processe as informações ajudará você a ficar mais esperto enquanto dorme.

Conclusão

Obviamente não existe uma fórmula mágica capaz de fazer você aprender qualquer coisa em segundos. Todas essas dicas vão te ajudar a aprender mais rápido porque seu estudo vai ser otimizado, ou seja, vai economizar muito tempo com uma técnica mais eficaz.

De qualquer forma, todas exigem esforço e dedicação. Ninguém disse que seria fácil.

Post Atualizado em:

Mundo Interpessoal

Comentários do Facebook